Técnico de Recuperação do Património Edificado

pic
O Técnico de Recuperação do Património Edificado é o profissional qualificado que, sob orientação direta de um técnico superior da área, está apto a executar trabalhos de inventariação, levantamento, diagnóstico, conservação preventiva e recuperação do património edificado, utilizando as tecnologias, técnicas e materiais adequados ao edifício em causa, assegurando a sua reabilitação cultural e funcional.
 

As atividades principais a desempenhar por este técnico são:

  • Participar no diagnóstico de caraterização de edifícios patrimoniais;
  • Executar levantamentos arquitetónicos de estruturas edificadas, tanto manual como informaticamente;
  • Participar na elaboração de programas e projetos de intervenção e recuperação de edifícios e monumentos;
  • Aplicar técnicas de levantamento e de registo das componentes construtivas e decorativas, nomeadamente, inventário, fotografia e vídeo;
  • Aplicar técnicas de construção tradicional, utilizando as tecnologias e os materiais adequados, tanto em estruturas como em coberturas;
  • Aplicar técnicas de construção em obras de conservação e edifícios de valor patrimonial, respeitando a traça e a estrutura originais;
  • Participar na consolidação e restauro de estruturas arqueológicas e edificadas;
  • Produzir e aplicar materiais construtivos de acordo com o seu comportamento face à estrutura do edifício e à origem e caraterísticas dos materiais pré-existentes;
  • Participar em ações de sensibilização e formação para a proteção do património cultural;
  • Aplicar as normas vigentes de Segurança e Saúde no Trabalho ao contexto laboral específico.

 

O curso tem a duração de três anos letivos, sendo a sua frequência gratuita.

Este curso destina-se a jovens com o 9.º ano concluído, até 20 anos de idade, que pretendem concluir o 12º ano e, simultaneamente uma profissão - carteira profissional de Técnico Nível IV.